sexta-feira, julho 30, 2004

Férias!!!!

Amanhã parto de férias. Merecidas, merecidíssimas!
Durante as próximas duas semanas terão poucas notícias minhas. Como recompensa, quando regressar, terão muitas novidades e fotos.
Até ao meu regresso.

Futura Comunidade Urbana do Tâmega recusa Resende e Cinfães

Parece que afinal Cinfães e Resende não vão pertencer à Comunidade Urbana do Tâmega. Segundo notícia do O Comércio do Porto, quatro membros da Comunidade rejeitaram a adesão às duas cidades do distrito de Viseu.
O argumento apresentado até pode fazer algum sentido, mas fica no ar a sensação que a única razão é a luta de lugares e de forças nessa nova Comunidade Urbana. Todos os que votaram contra são Câmaras PSD ou CDS, enquanto que Cinfães e Resende "são" PS.
E agora? A
Comunidade Urbana do Douro já foi criada e não me parece que esta pretenda ter Cinfães e Resende lá já que não estão na Região Demarcada do Douro;  A Comunidade Urbana do Vale do Sousa também está em andamento e a única afinidade que encontro aqui é a presença de Castelo de Paiva.
Parece que o Governo vai ter de intervir aqui e obrigar o Autarca-Modelo e comparsas a reconsiderar a decisão tomada...


Mudança de Visual!

Por sugestão de uma pessoa amiga, decidi alterar o visual ao blog. Não é uma versão difinitiva pelo que todos os comentários são bem vindos!

Novidades para a Prelada

Hoje ao ler o jornal "O Comércio do Porto" dei com uma notícia sobre a Prelada: Aquilo que eu falava em "posts anteriores,  parece que vai ser finalmente dado seguimento.
Rui Sá prometeu ontem que o baldio que fica entre as Ruas Sara Afonso, Antão Almeida Garret e Alberto Saavedra dará lugar ao novo jardim. Assumiu, mesmo, o "compromisso de até 15 de Outubro" apresentar um projecto para o jardim, que terá uma área de 3 a 4 mil metros quadrados.
Finalmente, outra boa notícia: o jardim infantil localizado na Rua de Adelaide Estrada já começou a ser feito e deverá estar pronto em Setembro!
Das 3 obras essenciais que eu "defendia" duas já estão em andamento. Falta a ligação ao outro lado da VCI (aproveitando o viaduto já existente).


segunda-feira, julho 26, 2004

Aproveitando o facto de ser o post nº 50 do Portuense, junto 3 fotos do rio Douro e do Porto, minha cidade favorita ;), ainda fresquinhas (tiradas ontem)!



Não é que o novo visual da Ponte D. Luiz I até fica engraçado? Parece uma construção da Lego.


Perdia algum tempo se eu me tivesse dedicado a contar as motas de água que se passeavam no rio Douro...



domingo, julho 25, 2004

O Sistema visto por Hélder Pacheco

Descobri este artigo pelo Nortugal. Vale a pena ler.

Deslocalização de 6 Secretarias de Estado

Parece-me um bom princípio, mas insuficiente. De que serve ter a Secretaria de Estado da Educação em Aveiro quando o Ministério está todo em Lisboa? Ou a Secretaria de Estado do Turismo em Faro quando o Ministério do Turismo (pela 1ª vez Turismo é Ministério) fica em Lisboa?

Para que esta decisão tenha realmente efeitos, deverá ser um 1º passo para deslocar também os respectivos Ministérios. Seria uma espécie de preparativos. São milhares de funcionários públicos a trabalhar nestes 6 Ministérios e fazer uma transição brusca e imediata só traria complicações.
Já se ouviram os críticos do costume a dizer que estas medidas trazem custos elevados para o país mas nunca pensaram nos custos indirectos para Portugal pelo facto de haver uma centralização dos serviços em Lisboa. Decisões como estas permitiriam aos habitantes de outras cidades e vilas manterem-se nas suas terras, sem terem de demandar para Lisboa para ter uma oportunidade.

Dentro de 2 anos gostaria de ver:
- Ministério da Educação em Aveiro
- Ministério da Economia no Porto
- Ministério do Turismo em Faro (que pena não terem aproveitado logo a criação do Ministério em Faro)
- Ministério da Agricultura em Santarém
- Ministério da Cultura em Évora
- Ministério das Cidades, Administração Local, Habitação e Desenvolvimento Regional em Coimbra

Só assim é que faz sentido a decisão de deslocar 6 Secretarias de Estado. Senão acaba por acontece aos 6 Secretários de Estado o que acontece a mim: um constante vai-vem na A1 todas as semanas... 

Parque Habitacional da Prelada

O O Comércio do Porto na edição de hoje tem uma aqui e aqui)
Realço os seguintes obras por fazer:
Viaduto sobre a VCI - a ponte já existe, faltam as ligações... Manuel Maio afirma que já conseguiu a resposta da Câmara que esta obra estaria pronta no final do ano.
- Parque infantil - pomposamente anunciado para Julho e ainda nem começaram as obras. Fala-se agora para Agosto ou Setembro.
- Baldio pertencente à Câmara - Rui Sá prometeu fazer dele um jardim com campo de futebol relvado. É bom que se decidam senão ainda poderá servir para permuta de terrenos com uma imobiliária.



sexta-feira, julho 23, 2004

Câmara do Porto faz «experiências» com trânsito

O responsável da Câmara pelo trânsito volta a atacar. Não satisfeito em ter transformado ruas como Sousa Rosas, Gondarém ou Corte Real com sentido único, agora estende esta limitação a outras. 
A polícia estará prontinha com bloco na mão para apanhar os mais distraídos a partir de Sábado. Se ainda não sabe quais as ruas, então aconselho ler o artigo do
Portugal Diário.
Para já dizem que é experimental mas, como em tudo, o experimental ou provisório é a versão mais definitiva das decisões!
 

Porto e Gaia

Nos últimos tempos temos assistido a um cada vez maior número de notícias e artigos de opinião sobre a "fusão" das duas cidades. No JN fazem uma análise das vantagens, com opiniões de Paulo Rangel (recém-nomeado secretário de estado da Justiça), Ludgero Marques e outros. Na opinião destes, "surgiria uma verdadeira segunda cidade nacional com massa crítica e dimensão territorial e populacional para crescer na Europa."
No
Publico, João Medina propõe algo diferente. Porto e Gaia devem ser um só mas... algumas freguesias desta cidade deveriam ficar de fora. Deu como exemplo Granja e Aguda, que ficariam melhor em Espinho. Propõe uma redifinição de todos os concelhos vizinhos e não uma simples fusão dos dois concelhos.
Luis Filipe Menezes admite mesmo demitir-se do cargo de presidente da Câmara de Gaia para facilitar a transformação de Porto e Gaia numa só cidade.
Tendo em conta tudo isto é de se considerar mesmo a fusão das duas cidades. Eu voto a favor!

quarta-feira, julho 21, 2004

Sentimento de missão cumprida

Sempre achei que as pessoas devem ser interventivas e participativas nos assuntos que lhe digam respeito. Para depois poder sentir que, pelo menos, tentou. Escrevi aqui há uns tempos a minha indignação pelo facto de terem fechado a passagem de nível da Rua das Cruzes. Telefonei para a Câmara do Porto e falei com o Responsável da Divisão do Trânsito. Telefonei para a Junta e expus a minha visão. Posso não ter feito muito. Mas pelo menos tenho a sensação de missão cumprida quando leio esta notícia. A minha influência para a repentina intervenção do presidente da Junta neste assunto pode (e certamente foi) ter sido nula, mas pelo menos posso ler o artigo de consciência tranquila.

terça-feira, julho 20, 2004

Barragem do Carrapetelo

Quarta feira, 8h da manhã. A ventania matinal, "costumeira" nesta zona, já está a atacar. Os agapantos não páram de abanar e mais um bocadinho e o rio tinha carneirinhos... As montanhas ao fundo ainda não estão nítidas. Era hora de me fazer à estrada e regressar ao Porto.
 

 
Felizmente era "viagem de ida-e-volta". Chegava ainda a tempo de apanhar uma foto tirada no mesmo sítio mas completamente diferente. Os agapantos estão "firmes e hirtos", o rio parece um espelho e já se vê com nitidez as montanhas ao fundo. A temperatura também era outra!
 


Numa viagem mais calma com destino a Cinfães, parei para tirar esta fotografia. Muito condutor já se deve ter assustado com estas pedras... O que é um facto é que já lá devem estar há muito tempo. Antes mesmo da passagem do Zé do Telhado por essas zonas :-) 
 
 

Ainda a Baixa

Findas as mini-férias, aqui vão mais umas fotos que tirei na Baixa no dia 8 de Julho. São 3 fotos diferentes:
 
1. Esplanada com vista para o lixo! Esta primeira foto demonstra o desrespeito que os comerciantes têm para com os turistas e portuenses. Foi tirada na esplanada ao lado da Loja "Navarro".
 

 
2. Onde está o sinal? A ideia de colocar estes vasos foi excelente. Mas por cima de sinais???
 

 
3. Pausa para um café. Estes dois autocarros não estão parados à espera que o semáforo fique verde. Estão mesmo estacionados... Mais abaixo na Pr. Liberdade a confusão com os autocarros impera.
 

 
4. Mercado do Bolhão. Aqui fica uma foto tirada a uma loja que fica no exterior do Mercado do Bolhão.
 
 

quarta-feira, julho 14, 2004

Resposta à Adivinha

As fotografias foram tiradas na passada 5ª feira, numa tentativa honesta de fazer compras no tão falado comércio tradicional, mas tive a infelicidade de ir em horas impróprias: 19h20! Sim, é verdade! As fotografias foram tiradas no dia 8 de Julho, 5ª feira, às 19h20!!!

segunda-feira, julho 12, 2004

Uma adivinha

Lanço aqui um desafio aos poucos leitores do Portuense: Descobrir o dia e, especialmente, a hora em que foram tiradas as fotografias abaixo. Aproveitem o espaço destinado aos comentários para dar o vosso "palpite". O prémio será futuramente anunciado... :)



sábado, julho 10, 2004

Tenho de o dizer...

Jorge Sampaio esteve bem... Espero que Santana Lopes também venha a estar!

sexta-feira, julho 09, 2004

O que os outros dizem de Portugal

No blog "Portugal e Espanha" encontramos 3 artigos de opinião sobre Portugal escritos por espanhóis. Recomendo uma leitura atenta aqui, aqui e aqui.

Deixo aqui alguns excertos:
ABC
"(...) se puede afirmar que la Eurocopa ha dado a conocer más al mundo, e incluso a los vecinos españoles, la nueva realidad de Portugal, un país del que España todavía tiene mucho por descubrir y por aprender. La competición es ya un éxito económico, de organización y de promoción en el extranjero y el hecho de que su selección nacional se haya plantado en la final es la guinda que adorna este éxito de un país entero más allá de lo deportivo."

"(...) Portugal viene destacando en los titulares de la prensa internacional de los últimos años por las noticias positivas que genera. En el terreno económico, por ejemplo: en los últimos dos años, pese a una coyuntura internacional adversa, el Gobierno de José Manuel Durao Barroso ha conseguido sanear las cuentas públicas y regresar al respeto del Pacto de Estabilidad, gracias a un estricto programa de reformas y dando así una lección de seriedad a otras economías del euro, como Francia, Alemania e Italia, que regresan a prácticas intervencionistas y desafían las reglas pactadas con sus socios en la UE, en lugar de acometer las necesarias reformas económicas, que son la mejor base para que, una vez que se consolide la recuperación económica, Europa entre en una senda de crecimiento sostenido y de creación de empleo."

"La economía portuguesa presenta hoy un dinamismo notable al que no son ajenos un sistema de educación decididamente abierto a Europa, con un alto nivel de educación y de aprendizaje de idiomas entre la juventud, y la creación de condiciones favorables a la implantación de empresas y la atracción de capitales. Otro elemento de proyección será la designación el pasado martes de Barroso como próximo presidente de la Comisión Europea, un reconocimiento a la seriedad de su gestión, su europeísmo y su respeto a las reglas pactadas (...)"
"A través de estos desarrollos y a través de la ventana al mundo que representa la Eurocopa de fútbol, Portugal está demostrando que un país relativamente pequeño y periférico pero con un liderazgo serio, ambición, ilusiones colectivas y políticas coherentes puede convertirse en motor europeo."


El País:
"La organización de los anfitriones, impecable; la emoción, extraordinaria, pero siempre como verbena festiva que ha sabido estar en su sitio, sin desbordamientos ni chovinismos fuera de lugar"
"Portugal, tras los devastadores incendios del año pasado, con las deficiencias de una infraestructura que hay que renovar en medio de una coyuntura recesiva del gasto público, puede encarar hoy el futuro sabiendo que su marca se ha revalorizado en Europa y que no podía tener mejor inicio de la temporada turística, amén de, por si fuera poco, haber colocado a su jefe de Gobierno, José Manuel Durão Barroso, a la cabeza de la Comisión Europea."

Organização do Euro 2004

Hugo do "Vida de um Tripeiro" recolheu alguns comentários na imprensa estrangeira sobre a Organização do Euro 2004. Recomendo a leitura (aqui). É bonito!

Estatísticas

Ontem quando fui ver as estatísticas ao meu blog, fiquei espantado! Nesse dia tinha um número nunca visto de visitas e page views...! Convenhamos que o meu blog não é propriamente uma referência da blogosfera nacional (nem local...) mas conseguir 38 visitas num só dia, para mim é fantástico!


Caramba, o que foi que eu escrevi? Não coloquei imagens ousadas, nem falei sobre sexo... Depois de ir ver, descobri a causa: O meu "post" sobre a passagem de nível de Ramalde foi mencionado (e com direito a link) no Blog "A Baixa do Porto". Sinto-me honrado, é a 2ª vez que tal acontece neste ilustre site. Desde já o meu Obrigado!

Crónica da Final do Euro2004

Depois de tantas Crónicas sobre o Euro não me parecia justo deixar passar a Final, apesar da derrota lusa. Sendo assim, reuni algumas imagens da festa.













quarta-feira, julho 07, 2004

Ramalde Rico, Ramalde pobre

Esta fotografia não tem qualquer relevância artística nem se pretende que o tenha. Serve apenas para mostrar uma das várias burradas que a CM Porto anda a cometer e a incrível falta de respeito que esta tem tido para com os seus munícipes.



Mas afinal qual é o mal terem fechado a passagem de nível? Todo.
- Dividiu a freguesia de Ramalde em 2. Num lado temos a zona do Pinheiro Manso, S. João de Brito, zona industrial e do outro temos a Prelada, Francos, Viso.
- Não se preocuparam minimamente em apresentar alternativas e fez com que pessoas que diariamente fazem o percurso Prelada – Boavista/Foz/Pinheiro Manso tenham de fazer mais 5 quilómetros (com muito mais trânsito) para chegar ao mesmo sítio.
- Fizeram isto sem acabarem outras obras que poderiam disfarçar o erro (bairro de Francos está há cerca de um mês um perfeito estaleiro, fazendo com que em horas de ponta para percorrer este bairro, se perca cerca de meia hora)

Decidi telefonar para a câmara e falei com o responsável da divisão de Trânsito que, muito simpaticamente, me explicou o cenário futuro: mau demais para ser verdade...
Então é assim, para substituir a passagem de nível a Câmara construiu um túnel. No entanto, uma das saídas não está concluída e não se prevê uma data para a sua conclusão, uma vez que está dependente de uma expropriação... até lá, quem venha do Pinheiro Manso tem duas hipóteses:
1. fazer a rua Ferreira Dias até ao fim, passar pelo viaduto (DGV) e fazer o percurso para trás pela Rua D. João Coutinho - ou seja, mais 5 km... (no mapa, setas a preto)
2. utilizar o novo túnel... são tantas as voltas para chegar à rua D. João Coutinho que não interessa a ninguém. Se não acreditar, recomendo experimentar esta hipótese... (no mapa, setas a vermelho)

No sentido contrário, só há mesmo uma hipótese: fazer a rua Central de Francos e Ramalde do Meio, até ao Viso, passar pelo viaduto da DGV até à Rua Manuel Pinto de Azevedo e fazer esta rua até ao fim...



Se alguém leu isto até ao fim, Parabéns! O post é tão extenso quanto as voltas que todos os ramaldenses têm de fazer para andar na sua freguesia... Infelizmente mais uma obra que se junta à da ponte suspensa na VCI...

segunda-feira, julho 05, 2004

Ainda não foi desta

Portugal deixou escapar a melhor oportunidade de ganhar um título europeu. Apesar de tudo, foi uma prestação bastante positiva, os jogadores foram de uma dedicação enorme e, mais do que ninguém, foram os que mais sofreram e perderam com a derrota.
Aqui vai o meu agradecimento aos 23 bravos que conseguiram unir o País:
Ricardo, Quim, Moreira, Paulo Ferreira, Miguel, Nuno Valente, Rui Jorge, F. Couto, Ricardo Carvalho, J. Andrade, Beto, Maniche, Costinha, Petit, Tiago, Deco, Rui Costa, Figo, Cristiano Ronaldo, Simão, Nuno Gomes, Pauleta e H. Postiga.

Depois de termos chegado aos Quartos-Final em 96, à Meia-Final em 2000 e à Final em 2004, inevitavelmente chegaremos à vitória em 2008 na Suíça e Áustria!

sexta-feira, julho 02, 2004

Tudo é possível!

Outra notícia no Comércio do Porto.
Esta notícia merece leitura, pelo menos o último parágrafo. Demontra o estado desta cidade.
Resumidamente, uma casa antiga na Av. Marechal Gomes da Costa foi deitada abaixo, apesar da polícia que esteve no local ter obtido a garantia de que não ia abaixo e depois de se ter verificado que o Alvará exposto na obra ser falso... E agora?
Monumento da altura de 17 pisos vai surgir à entrada de Matosinhos

Li hoje no Comércio do Porto que depois da construção desenfreada promovida por Narciso Miranda na chamada "Matosinhos Sul", pretende ele agora colocar um monumento com 50 metros de altura e que será maior que a construção existente na zona (e que já não é propriamente pequena...). Este monumento até só custa 1 milhão de euros e foi encomendado a uma escultora americana...
Aqui encontram o esboço deste elefante branco.
Quando é que vamos acabar com este tipo de "obras emblemáticas"?! Temos de ver a coisa pelo lado positivo, será a última obra de Narciso...

quinta-feira, julho 01, 2004

Familia de Jan Koller de chegada ao Hotel

A familia de Jan Koller foi vista a chegar a um conhecido hotel no Porto...
Grupo bem disposto, até aceitaram "posar" para este paparazzi...



Crónicas do Euro - Rumo à Final!

Ontem foi o jogo que eu queria para a Final: Portugal x Holanda. Sempre simpatizei com a selecção holandesa. Talvez pelos tempos em que a Laranja Mecânica dava verdadeiros espectáculos de futebol. Talvez pelo Van Basten, Ruud Gullit ou Rickaard. Talvez ainda por Cruift, apesar de já não ser bem dos tempos deste jogador ainda vi alguns jogos dele. Mas, neste europeu, a minha razão era pela cor e alegria que os adeptos holandeses trazem para os jogos. Presenciei isso aqui nas ruas do Porto, durante o período em que a Selecção Holandesa estava cá e agora no jogo de ontem. A capital portuguesa foi invadida por holandeses, como de resto aconteceu por todas as cidades onde estes jogavam. Pessoas bem dispostas, conversadoras e que se integravam lindamente no meio da multidão portuguesa que também estava em delírio por estar nas meias-finais do Euro.

No meio desta multidão até encontrei o Elvis, vivo da silva e à espera da cerveja como um comum dos mortais!




Ou mesmo uma adepta portuguesa que seguiu à letra o pedido de Scolari!



Adiante, que já se fazia tarde. Está na hora de cantar os hinos nacionais:



Portugal jogou muito bem e só por azelhice no pontapé final é que não conseguimos uma goleada à Holanda. Estes jogaram mal, apesar dos excelentes jogadores que têm. O único que estava a fazer alguma coisa, Overmars, foi substituido ao intervalo!
só mais duas notas.
- Uma para o golaço de Maniche, certamente o melhor do Euro 2004 e um dos melhores da história de todos os Euros.
- outra para a excelente exibição de Figo. Seja bem vindo!

Estes 2 e os restantes 21 merecem o apoio de todos os portugueses!



Findo o jogo, era hora de reabastecer. Seja onde for e em que condições...



Agora.... venha a FINAL!!!!